Notícia: Novo Porsche Cayenne

Mais personalidade.

Era de se esperar. A Volks já apresentou a nova geração do Touareg. Agora, é a vez da Porsche apresentar seu Novo Cayenne, já que este é focinho daquele. Mas agora, o SUV de Stuttgart está com mais personalidade. Ah, e não se surpreenda se a Audi lançar, nos próximos meses, o seu novo Q7.

Mais curvas.

Como eu estava falando, o Novo Cayenne está mais original. O compartilhamento da plataforma continua, mas, visualmente, este Porsche está mais seguro consigo mesmo. Embora use, ainda, diversas peças do Panamera.

Interior parecido com o do Panamera.

O desenho está mais esportivo e menos aventureiro. Afinal, convenhamos: qual seria a porcentagem dos consumidores que colocariam um carro destes em uma estrada de terra? Para isso, eles usariam um Land Rover. A linha do teto está mais baixa, a frente recebeu novos faróis, novo para-choque e novas grades, a lateral ganhou novos vincos e novas curvas, e a traseira ficou mais redonda. Uns desentendidos podem até confundi-lo com um Infiniti FX-45, se é que saberiam que esse carro existe. Isso não é de todo ruim. Antes, confundiam-no com o “plebeu” Touareg…

O interior segue a tendência do Panamera, e, por isso, é espetacular, com linhas suaves e perfil baixo. Destaque para o larguíssimo console central.

Embora quatro centímetros mais comprido que o antecessor, o Novo Cayenne está 200 kg mais leve. Além de favorecer no desempenho, o menor peso contribui para a redução do consumo e do nível de emissões de CO2. Tudo isso, combinado com a transmissão automática Tiptronic S de oito velocidades, resulta em um consumo 23% menor, segundo a fábrica.

As opções de motores incluem o novo 3.6 V6 a gasolina (300 hp) que também equipa o Panamera, um 3.0 V6 Turbo Diesel (240 hp), um 4.8 V8 aspirado (400 hp) e um 4.8 V8 Turbo (500 hp). A novidade fica por conta da motorização híbrida, composta por um motor a gasolina 3.3 V6 TSI (333 hp) e por um elétrico (47 hp), totalizando 380 hp de potência. O Cayenne Hybrid utiliza somente o motor elétrico, enquanto o motorista não ultrapassar os 60 km/h. A montadora alemã não divulgou dados do desempenho desse modelo, mas afirma que a taxa de emissão de CO2 é de 193 g/km, o que faz do híbrido o carro mais ecológico de toda a linha Porsche.

O Novo Cayenne será apresentado no Salão de Genebra, no início de março. As vendas começam na primavera (do hemisfério norte).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • Licença Creative Commons